11 de Janeiro de 2019

    Possui doutorado em Philosophie pela Université de Strasbourg (1977).Tem experiência na área de História, com ênfase em História e Filosofia da Ciência.

Possui doutorado em Filosofia - Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne (2006). Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Ciências Humanas. 1. Fenomenologias : Seguindo a linha do trabalho de Jean-Paul Sartre, Jacques Derrida e dos principais pensadores da tradição europeia durante anos 1900-1980, o programa de pesquisa de Gerard Wormser incide sobre a inclusão de formas contemporâneas de relação consigo e com os outros através da mediação das linguas e das formas de comunicação interpessoal associados às mídias contemporâneas sob o conceito de editorialização. 2. Edição e Culturas digitais: este programa se iniciou em 2000 com a criação de um site para o Instituto de Estudos Políticos de Paris, no âmbito de um projeto coletivo conduzido com estudantes. Gérard Wormser engajou-se então em uma dinâmica que fez dele um dos pioneiros nas reflexões concernetes ao digital na universidade francesa. A criação da resvista Sens Public (www.sens-public.org) respondeu a esse projeto inspirando-se nas reflexões de John Dewey e de Jean-Paul Sartre sobre os problemas da comunicação pública na era da tecnologia e da mundialização. Este programa deu lugar a multiplos resultados editoriais ? revistas, livros, fóruns, blogs ?, à obtenção de um orçamento europeu em 2008 para a organização do Congresso Europeu dos Editores de Revistas (Eurozine) em Paris, à organização de múltiplas conferências e seminários, dos quais o seminário permanente atual « Novas escrituras e Editorialização ». Seguindo esse eixo, a contribuição de Gérard Wormser foi importante para a criação e o desenvolvimento do Nucleo de Pesquisa e de realisações TELAA na UnB no ano 2016 e tambem para a organisação dos Encontros Entre TELAAs 1 e 2 (2016 e 2017). Seguindo esse eixo, a contribuição de Gérard Wormser foi importante para a criação e o desenvolvimento do Nucleo de Pesquisa e de realisações TELAA na UnB no ano 2016 e tambem para a organisação dos Encontros Entre TELAAs 1 e 2 (2016 e 2017). 3. Reconfigurações dos domínios políticos: Na sequência dos trabalhos concernetes a Rousseau e Fichte, depois Sartre, Scheler e Husserl, Gérard Wormser realizou várias pesquisas sobre o campo político e suas evoluções desde o quadro teórico republicano na França (trabalho dos anos 1990) até a reformulação das condições da prática política na mundialização que é baseada notadamente nos trabalhos de Saskia Sassen, de quem Gérard Wormser é um dos tradutores em francês. A sucessão de eventos significativos na opinião mundial desde 11 de setembro de 2001 até os atentados de 07 de janeiro de 2015 em Paris mostrou como a desordem contemporânea das sociedades de massa trabalhadas a partir do interior por fluxos de informações impossíveis de serem controlados pode se transformar em seu radicalismos que influenciam de maneira crescente as instituições democráticas representativas, em parte esvaziadas de sua legitimidade. O blog ColetivoBrasil fica com a mais reciente iniciativa nessa area de pesquisa.

 

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Braz Cubas (1982), mestrado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001) e doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (2009). Pós-doutorado (2012-2015), Programa de Pós Doutorado da Universidade de São Paulo, (Fapesp) . Em 2013, realizou estágio de pesquisa no exterior na Bayerische Akademie der Wissenschaften - Kommission zur Herausgabe der Schriften von Schelling -, em Munique, Alemanha. Em linhas gerais,o projeto de pesquisa de pós-doutorado, aprofunda o tema desenvolvido na tese de doutorado, a partir de uma questão subjacente à dialética da imaginação em Schelling, a saber: o próprio conceito kantiano de Ideia é a raiz da relação entre ideia, representação e ideal em Schelling, que implica uma exposição simbólica.

 

Possui graduação em Matemática pela UNESP (2010), mestrado em Filosofia pela UNICAMP (2013) e doutorado em Filosofia pela UNICAMP (2017). Atualmente é professor efetivo do Instituto Federal de São Paulo e pesquisador colaborador do Departamento de Filosofia da Universidade de Brasília. Tem experiência em Lógica e Filosofia da Matemática.

 

   

Licenciado em História pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Mestre e Doutor em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Realizou estágio doutoral na Northwestern University (EUA) e estágio pós-doutoral na Universidade de Brasília (UnB). Atualmente é Professor Adjunto no Departamento de Filosofia da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da mesma Universidade. Atua nas áreas de Epistemologia Contemporânea, Epistemologia Social, Filosofia da Ciência, Ética e Filosofia Política.

10 de Janeiro de 2019

 

 


 

 

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal Fluminense-UFF. Fez mestrado na área de Filosofia da Educação no programa de pós-graduação da Faculdade de Educação da UNICAMP e teve passagem direta ao doutorado nesta mesma área. Fez parte de seu doutorado na Universidad Nacional de Córdoba na Argentina (UNC) e na Université de Rouen (FRANÇA) no laboratório CIVIIC (Centre de Recherches Interdisciplinaires sur les valeurs, les idées, les identités et les competences em education et formation). É doutora em Filosofia da Educação pela UNICAMP. Realizou seu pós doutorado no IFCH (Unicamp). É pesquisadora convidada no departamento de História e Filosofia da Educação da Universidad de la República (UdelaR-Uruguai). É Membro da Associação Latinoamericana de Filosofia da educação - ALFE e da Sociedade Brasileira de Filosofia da Educação. Tem experiência na área da Educação com ênfase na Filosofia da Educação, atuando principalmente nos seguintes segmentos: Fundamentos Filosóficos da Educação, Formação de Pedagogos e Professores, Epistemologia da Pedagogia e Didática. Organizou as obras Qual Educação, Qual Escola? (EDUNIOESTE), Pedagogia, Sujeito e Resistências (Ed.Appris) e Educação Menor (Ed. Appris). É autora de diversos artigos na área da Filosofia e da educação. Diretora científica da coleção Filosofia e Educação (Editora Appris). Acesse o lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4775535Y3

08 de Novembro de 2018

29 de Outubro de 2018

 

images/Imagens/provadeproficienciaedital32018.png

10 de Outubro de 2018

21 de Agosto de 2018

 

Possui doutorado em Histoire de la philosophie/Etude des sistèmes - Université Jean Moulin Lyon 3 (2011). Tem experiência na área de Filosofia da Renascença e Moderna, com ênfase em antropologia filosófica, moral e politica, e teorias das emoções. Atualmente sou pesquisador associado à Université Lyon 3 e co-diretor do "Montaigne Workshop": hhttps://comod.universite-lyon.fr/-15740.kjsp